sábado, 5 de junho de 2010

PRECISO SER OUTROS

"A maior riqueza do homem
é a sua incompletude.
Nesse ponto sou abastado.
Palavras que me aceitam como sou
-eu não aceito.
Não agüento ser apenas um sujeito
que abre portas, que puxa válvulas,
que olha o relógio,
que compra pão às 6 horas da tarde,
que vai lá fora, que aponta lápis,
que vê a uva etc. etc...
Perdoai, mas eu preciso ser outros.
Eu penso renovar o homem
usando borboletas."
(Manoel de Barros)

2 comentários:

Amor feito Poesia disse...

As Vezes construímos sonhos em cima de grandes pessoas... O tempo passa... e descobrimos que grandes mesmo eram os sonhos e as pessoas pequenas demais para torná-los reais!

Bob Marley

Feliz Noite e beijos meus! M@ria

Amor feito Poesia disse...

Eu deixo aroma até nos meus espinhos,
ao longe, o vento vai falando de mim.

Cecília Meireles

Amor & Paz & Poesias na sua semana!
Beijos na alma.....M@ria